Conselho Deliberativo

Grêmio apresenta demonstrativos contábeis e financeiros do primeiro trimestre

Conselheiros apreciaram receita bruta 69,2% acima da projeção orçamentária e aprovaram pautas estatutárias

21 MAI 2019 21:00 | Atualizado em 22 MAI 2019 11:00 Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense

Na noite desta terça-feira, no Auditório da Arena, o Conselho Deliberativo do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense se reuniu em sessão ordinária e extraordinária para examinar os demonstrativos contábeis e financeiros do primeiro trimestre de 2019, aprovar o regimento interno do órgão e deliberar sobre proposta de alteração do Estatuto Social do Clube.

A reunião foi aberta pelo presidente do Conselho Deliberativo Carlos Biedermann, que convidou todos os presentes a prestarem um minuto de silêncio em homenagem aos conselheiros José Kirch e José Bohrer, falecidos neste mês. Em seguida, o presidente do Conselho chamou à mesa os executivos de Marketing e Finanças, Beto Carvalho e Fabiano Wurdig para, ao lado do CEO Carlos Amodeo, receberem homenagem dos conselheiros pelos prêmios na Conafut, recebidos na última semana. O Grêmio foi vencedor em quatro das sete categorias premiadas na Conferência Nacional de Futebol: melhor CEO, melhor executivo de Marketing, melhor executivo de Finanças e melhor Comissão Técnica. Na sequência o presidente Biedermann passou a palavra ao presidente do Conselho de Administração Romildo Bolzan que, ao lado do CEO Carlos Amodeo, apresentou os demonstrativos contábeis e financeiros e cumprimentou os conselheiros presentes. 

Posteriormente os conselheiros apreciaram a divulgação dos números por parte do CEO gremista, iniciando pela Receita Bruta, que ficou 69,2% acima da projeção orçamentária do período. Já a EBTIDA, indicador financeiro que representa quanto a instituição gerou de recursos por meio de suas atividades operacionais, descontando impostos, amortização, depreciação e resultado financeiro, foi de R$ 57,2 milhões. O Resultado Líquido foi de R$ 37,9 milhões, sendo quase R$ 40 milhões acima do previsto no orçamento.

Outro resultado importante divulgado aos conselheiros foi a redução do Endividamento Bbancário, de R$ 17,2 milhões (65,3%) em relação a dezembro de 2018 e de R$ 52 milhões (85%) em comparação a março do ano passado. Os conselheiros também foram informados que o Clube zerou o Endividamento Bancário de Curto Prazo. Por fim, foi divulgado que o Passivo Total (curto e longo prazo) foi reduzido no montante de R$ 10,3 milhões em relação a dezembro de 2018 e de R$ 62,7 milhões (14,24%) em relação a março do mesmo ano.

Seguindo a pauta da noite, os conselheiros aprovaram o Regimento Interno do Conselho Deliberativo do Grêmio e o requerimento de alteração estatutária proposto a fim de atualizar os meios de convocação dos Associados e Conselheiros para a Assembleia Geral, modificando assim as alíneas “b” e “c” do artigo 59 do Estatuto Social do Clube.