Agora é mata-mata

Grêmio vence o Pelotas e enfrenta o Juventude nas quartas de final

Tricolor venceu o time da casa por 2 a 0, com gols de Thaciano e Thonny Anderson

20 MAR 2019 23:21 | Atualizado em 21 MAR 2019 09:30 Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense

O Grêmio entrou em campo na noite desta quarta-feira, para disputar o último jogo da primeira fase do Campeonato Gaúcho. Com um time alternativo, encarou o Pelotas, no estádio Boca do Lobo e venceu pelo placar de 2 a 0.

Os torcedores assistiram a um primeiro tempo equilibrado. Foi o Tricolor quem conseguiu manter maior posse de bola e chegar por mais vezes ao ataque. O time da casa iniciou o jogo com uma marcação alta, mas não manteve a intensidade e passou a se defender, o que resultou nos 45 minutos iniciais sem gols.

Foi na etapa complementar que os resultados apareceram. O Grêmio iniciou bem e criou as primeiras oportunidades, tanto que aos 8 minutos, Thaciano recebeu no meio, invadiu a área, driblou o marcador e chutou a gol, abrindo o placar. O técnico Victor Hugo promoveu as alterações: Felipe Vizeu, Montoya e Galhardo deram lugar a Thonny Anderson, Alisson e Rômulo. Aos 46 minutos, Jean Pyerre acionou Thonny Anderson na cara do gol e o atacante chutou cruzado. A bola bateu na trave antes de entrar.

Final de jogo: Grêmio 2 a 0 Pelotas.

Com o resultado, Grêmio fecha a primeira fase com 29 pontos, na liderança isolada da competição.

 

Primeiro Tempo

Logo no primeiro minuto, o Grêmio ameaçou com uma jogada pelo meio, em que Matheus Henrique passou entre dois marcadores e fez um lançamento para Montoya, entrando na área, mas a jogada foi anulada pela arbitragem por impedimento. Outra chance veio na sequência, dos pés de Galhardo, que arriscou de longa distância, mas mandou longe do gol.

Aos 11 minutos, o Tricolor chegou novamente, agora com Jean Pyerre acionando Galhardo na direita. O lateral cruzou, mas a bola passou por todo mundo e saiu a linha de fundo.

Uma das melhores chances gremistas aconteceu aos 19’, quando Pepê saiu em velocidade e de um passe para Thaciano, que acionou em seguida Vizeu. O centroavante finalizou, mas a bola explodiu no zagueiro. O Pelotas respondeu na sequência, com Correa, mas Michel cortou, impedindo a jogada.

Novamente no ataque, a bola foi colocada na área gremista, houve o desvio de cabeça e Marcelo Oliveira dividiu com o atacante, afastando o perigo pela linha de fundo.

Aos 24’, mais uma chance pelotense. Germano acabou cruzando na área em uma cobrança de escanteio, mas Thaciano fez o corte de cabeça.

Três minutos depois, Jean Pyerre acionou Juninho Capixaba na ponta da área, mas o lateral mandou fraco e a arbitragem assinalando impedimento.

O Pelotas ameaçou em uma nova cobrança de esteio. Dessa vez, Germano cobrou em curva e Brenno afastou por sobre a meta.

Já aos 32’, Thaciano se lançou em contra-ataque e serviu Pepê, que foi a linha de fundo e cruzou novamente para o meia, que subiu, mas mandou pra fora. Dois minutos depois, Juninho Capixaba cruzou para o meio e Thaciano apareceu novamente para finalizar, chutando forte, mas o arqueiro pelotense defendeu.

O Tricolor pressionou bastante. Em nova chance, Montoya dominou na entrada da área e chutou, mas sobre a meta.

Com 43’, o Pelotas quase marcou, quando Léo Bahia driblou a marcação, deslocou Brenno e finalizou, mas Marcelo Oliveira conseguiu salvar,

 

Segundo Tempo

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação.  Criou as primeiras oportunidades e aos 7 minutos, Thaciano recebeu no meio, invadiu a área, driblou o marcador e chutou a gol, abrindo o placar.

O Pelotas tentou descontar em uma oportunidade em bola parada. Rômulo cobrou a falta, colocando a bola na área para Dão, que mandou de cabeça por sobre a meta defendida por Brenno.

Aos 15’, os donos da casa seguiram pressionando. Desta vez, Rômulo cruzou da esquerda e Correa mandou de cabeça, mas Brenno foi bem e fez a defesa com tranquilidade. Minutos depois, John Lennon fez um cruzamento na área, mas Michel foi bem e fez o corte.

Já aos 20’, o Pelotas chegou com Rômulo, que passou pela marcação gremista, tentou invadir a área, mas foi parado com um carrinho de Michel. Na cobrança da falta, Rubinho chutou colocado, mas por sobre o gol.

Substituição: Saiu Felipe Vizeu, entrou Thonny Anderson, aos 20’.

Em nova chance, o time da casa levou perigo com Giovane, que mandou de longe. A bola passou ‘a esquerda do gol.

O Grêmio respondeu a altura. Aos 23’, Jean Pyerre cobrou um escanteio fechado, mas Airton saiu de soco e defendeu, evitando um gol olímpico.

Substituição: Saiu Montoya, entrou Alisson, aos 26’.

Com 28’, o Pelotas tentou com Léo Costa, que chutou de longa distância, mas Brenno defendeu bem.

Substituição: Saiu Galhardo, entrou Rômulo, aos 29’.

O Grêmio tentou ampliar. Em nova jogada, Jean Pyerre avançou pelo meio e fez um passe em profundidade, mas a defesa do Pelotas conseguiu o corte.

Em seguida, Thaciano quase marcou um golaço, depois de Airton sair errado. O goleiro adversário fez uma defesa e na sobra, o meia tentou por cobertura, de longa distância, mas a bola passou sobre a meta.

Aos 42’, em contra-ataque, Pepê acionou Juninho Capixaba dentro da área, mas o lateral mandou muito alto.

O Pelotas ainda tentou o empate com Léo, que recebeu um cruzamento e mandou de primeira. Brenno estava na bola, mas ela se perdeu pela linha de fundo.

 

Aos 45’, em bola na área, Giovane fica com a sobra e finaliza, mas a bola desvia pela linha de fundo.

Em resposta, o Grêmio roubou a bola e se lançou em contra-ataque. Jean Pyerre acionou Thonny Anderson na cara do gol, e o atacante chutou cruzado. A bola bateu na trave e morreu no fundo das redes.

 

Foto: Lucas Uebel | Grêmio FBPA

 

Pelotas x Grêmio - Gauchão 2019 - 20/03/19