Falta pouco

Estátua de Renato Portaluppi entra na fase final dos moldes

Comissão de avaliação da obra e treinador acompanham desenvolvimento do projeto

13 NOV 2018 16:54 | Atualizado em 14 NOV 2018 09:01 Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense

Produzida de forma minuciosa, com cuidado extremo aos detalhes das feições e dos gestos do maior ídolo da história do Tricolor, a estátua que imortaliza a comemoração de Renato Portaluppi no Mundial de 1983 entrou em fase final dos moldes de gesso e fibra de vidro, último estágio antes da fundição em bronze.

Além da busca incansável pelo maior realismo das expressões de Renato Portaluppi a partir de provas submetidas à avaliação do ídolo, a confecção da estátua precisou passar por aprovações dos detalhes dentro de normas técnicas, o que causou pequeno atraso em relação ao cronograma inicial.

Conduzido pelos artistas Theo Felizzola, Iouri Petrov e Jamil Fraga, o trabalho é acompanhado diretamente pelo treinador e por uma comissão interna, que já realizaram visitas ao atelier e também recebem atualizações por fotos e vídeos. Depois de concluídos os moldes, as partes serão convidadas para uma nova vistoria antes da fundição em bronze. Este processo é o último antes dos acabamentos, e será executado em um período de 45 a 60 dias.

Com dois metros de altura, a estátua que eterniza Renato será fixada na Calçada da Fama do Grêmio, na esplanada Oeste da Arena. A data de inauguração será divulgada depois que os trabalhos tiverem sido concluídos.

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA