Novos talentos

Grêmio inaugura novo Núcleo de Captação de Atletas na Rocinha, Rio de Janeiro

Tricolor começa iniciativa na Região Sudeste do Brasil

24 SET 2018 12:03 | Atualizado em 24 SET 2018 12:25 Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense

No último sábado foi inaugurado o novo Núcleo de Captação de Atletas do Grêmio – Rocinha, no Rio de Janeiro. Em parceria com a ONG Novos Talentos, com mais de 15 anos atuando na comunidade, o Tricolor abre seu primeiro núcleo na Região Sudeste do país.

Com as presenças do assessor da presidência, Gustavo Schmitz, do supervisor de captação, Paulo Araújo, do auxiliar da coordenação técnica, Emanuel Freitas, e do auxiliar administrativo da captação, Cristian Fagundes, foi realizado um evento com a participação da Academia do PSG, marcando o início da parceria gremista.

“Inauguramos este novo Núcleo de Captação no centro de uma comunidade tão carente, fincando a bandeira do Grêmio na região, com muito orgulho. Dessa forma ajudamos a criar uma oportunidade de engajamento para estes jovens através do esporte, para que eles possam encontrar um caminho do bem, saindo de uma situação vulnerável. É a base do Grêmio participando dessas ações que ampliam a marca e nos dá a chance de captar novos talentos para o Tricolor”, comemorou Gustavo Schmitz.

A ONG Novos Talentos ministra aulas tanto de futsal, como futebol de campo, para crianças e adolescentes na faixa etária entre 4 e 17 anos. Tem a coordenação do jornalista Ricardo França, junto ao professor Francisco Borges (Cebola). Os treinos ocorrem nos turnos da manhã e da tarde, sempre no contra turno do período escolar.

“A nossa qualidade em anos de trabalho, aliada à potencialidade dos atletas, chamou a atenção do Grêmio. Tem uma concentração populacional de 120 mil habitantes na Rocinha, a maior da América Latina. É uma comunidade central, fica em uma área nobre do Rio de Janeiro, entre a Gávea e São Conrado. Então tem um nicho de mercado e uma possibilidade muito grande de êxito para revelar novos atletas, além de ajudar na transformação da vida desses garotos. Esta é a primeira parceria nesses moldes que temos com um clube de peso, com o Grêmio” comentou o coordenador Ricardo França.

Até chegar a esse dia de festa, muito trabalho prévio foi desenvolvido pelo setor de captação e avaliação de atletas das categorias de base. Dentro de um amplo projeto, a partir de uma pesquisa de monitoramento desde 2015, a Região Sudeste se mostrou promissora em relação aos atletas aprovados para jogar base do Grêmio. Então a ideia foi de ter, assim, um braço de captação do Grêmio para fomentar ainda mais esse aproveitamento.

“Alguns detalhes nos chamaram a atenção antes de decidir pela parceria na Rocinha. O raio de cobertura é extremamente populoso. O perfil do atleta no Rio de Janeiro é diferenciado, por toda a qualidade técnica e capacidade de improviso, além da habilidade. Quando se vai na comunidade, em cada rua tem gente jogando bola e se divertindo com isso. A região tem um histórico importante na revelação de grandes jogadores. Depois de tudo isso, tem o trabalho da ONG no local. Encontramos grande capacidade de trabalho, em conjunto com a preocupação em proporcionar um bom encaminhamento na formação de todos como cidadãos, assim como é feito nas categorias de base do Grêmio”, valorizou o supervisor de captação, Paulo Araújo.

Atualmente, o Grêmio tem mais dois Núcleos de Captação ativos. Um localizado em Nova Andradina, no Mato Grosso do Sul, além de outro na cidade de Ernestina, Noroeste do Rio Grande do Sul. Agora o terceiro é o da Rocinha, no Rio de Janeiro. Está em fase de negociação para fechar, até o final do ano, um total de 10 núcleos nos mesmos moldes pelo Brasil.

A frequência de visitas dos observadores em cada Núcleo varia de acordo com a necessidade, podendo ser quinzenal ou mensal. Confira como funciona o Núcleo de Captação em cinco passos.

- O Núcleo realiza avaliações em um raio estipulado de 200 quilômetros.

- Os atletas selecionados entram em um programa de treinamento com base metodológica do Clube.

- O Núcleo e o setor de avaliação da base elegem uma data para visitação do observador técnico do Clube.

- É realizada uma avaliação por meio de jogos ou treinos.

- Ao término da avaliação, o observador informa os direcionamentos adotados para cada atleta (aprovado ou não para período de teste no Centro de Formação e Treinamento Presidente Hélio Dourado, em Eldorado do Sul).

Fotos:Maria Helena/divulgação.

 

Inauguração do Núcleo de Captação Rocinha