Na memória

Tetra da Copa do Brasil comemora 18 anos nesta segunda-feira

Tricolor goleava o Corinthians em pleno Morumbi, no domingo, dia 17 de junho de 2001

17 JUN 2019 12:10 | Atualizado em 17 JUN 2019 12:10 Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense

Há exatos 18 anos, no dia 17 de junho de 2001, o Grêmio sagrava-se tetra campeão da Copa do Brasil, tornando-se, na época, o maior vencedor da competição.

Comandado pelo técnico Tite, o Tricolor venceu o Corinthians na grande decisão, dentro do Estádio Morumbi lotado. O empate em 2 a 2 no primeiro jogo, no Estádio Olímpico, em Porto Alegre, credenciava o time paulista a ser o grande favorito no duelo. Porém, como no Brasileirão de 1981, contra o São Paulo, o Grêmio calou o Morumbi e, com uma atuação quase perfeita, chegou ao triunfo pelo placar de 3 a 1, coroando uma campanha vitoriosa de 12 jogos, oito vitórias, dois empates e duas derrotas; 25 gols marcados e 14 sofridos. Ficaram pelo caminho o Villa Nova/MG, Santa Cruz/PE, Fluminense, São Paulo, Coritiba e Corinthians.

Na grande final, o Grêmio saiu na frente com Marinho, de cabeça, após escanteio cobrado da esquerda, aos 45 da etapa inicial. Logo aos 2 minutos do segundo tempo, Zinho aproveitou-se de um erro da zaga paulista, roubou a bola e mandou no ângulo esquerdo ampliando a vantagem. Aos 25, os donos da casa ficaram com um a menos com a expulsão do zagueiro Scheidt. Ainda assim, o Corinthians descontou cinco minutos depois com Éwerthon. O gol colocou os paulistas de volta no jogo e acordou a torcida. Dentro de campo, o Corinthians se atirou ao ataque em busca do empate, que levaria a decisão para as penalidades. Porém, aproveitando os espaços deixados para os contra-ataques, o Grêmio matou o jogo com Marcelinho Paraíba, aos 42 minutos. Foi a senha para que os torcedores começassem uma grande comemoração pelas ruas de Porto Alegre e do Brasil na noite daquele domingo, dia 17 de junho de 2001, há 18 anos.

Confira a campanha que culminou na quarta conquista gremista da Copa do Brasil:

Primeira rodada: 
14/03 - Villa Nova-MG 3 x 2 Grêmio (Ânderson Lima (2)) 
21/03 - Grêmio 4 x 1 Villa Nova-MG (Luís Mário (2), Zinho, Rubens Cardoso)

Segunda rodada: 
18/04 - Santa Cruz-PE 1 x 0 Grêmio 
26/04 - Grêmio 3 x 1 Santa Cruz-PE (Eduardo Costa, Rodrigo Mendes (2))

Oitavas-de-final: 
02/05 - Grêmio 1 x 0 Fluminense (Marcelinho Paraíba) 
09/05 - Fluminense 0 x 0 Grêmio

Quartas-de-final: 
16/05 - Grêmio 2 x 1 São Paulo (Warley (2)) 
23/05 - São Paulo 3 x 4 Grêmio (Marcelinho Paraíba (3), Zinho)

Semifinal: 
30/05 - Grêmio 3 x 1 Coritiba (Warley, Zinho e Anderson Lima) 
06/06 - Coritiba 0 x 1 Grêmio (Zinho)

Final: 
10/06 - Grêmio 2 x 2 Corinthians (Luís Mário (2)) 
17/06 - Corinthians 1 x 3 Grêmio (Marinho, Zinho, Marcelinho Paraíba) 

Foto: Museu do Grêmio